Sobre a Revista

Foco e Escopo

Revista Ambivalências é uma publicação semestral de divulgação científica mantida pelo Grupo de Pesquisa “Processos Identitários e Poder” (GEPPIP). O GEPPIP foi criado em 2010 e está vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Sociologia – PPGS da Universidade Federal de Sergipe (UFS), sendo composto por discentes e docentes do Brasil e Portugal.

A Revista Ambivalências publicou o seu primeiro número em janeiro de 2013 e a partir do 2º número (jul-dez/2013) o projeto editorial da Revista passou a ser constituído por dossiê, sessão livre de artigos e resenhas. Desde então os dossiês têm sido organizados por pesquisadores que atuam no âmbito nacional e internacional.

A Revista Ambivalências tem como objetivo reunir e divulgar estudos que abordam a temática das identidades como expressão de relações de poder produtoras de classificação, hierarquização e transgressão social, de modo a trabalhá-la em suas conexões empíricas, teóricas e metodológicas. Desta maneira, a Revista Ambivalências busca ampliar a difusão dos estudos que dão conta de realidades caracterizadas pela intersecção entre a dimensões políticas e culturais da vida social contemporânea, tomando como base as novas formas de relações de dominação de um mundo marcado pela fragmentação e descentramento identitário.

A Revista Ambivalências está indexada nas seguintes bases: DOAJ, Google Scholar, Latindex e Sumários.org

Processo de Avaliação pelos Pares

Todos os trabalhos serão apreciados pelo Conselho Editorial da Revista e submetidos a pareceristas. O Conselho Editorial decidirá sobre a oportunidade do encaminhamento aos pareceristas e da publicação das contribuições recebidas.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Critérios para Organização de Dossiê

A revista Ambivalências recebe proposta de dossiês. As propostas devem abordar relacionadas à temática das identidades, preferencialmente, articulando questões teóricas, metodológicas e empíricas de modo contemplar várias abordagens que a temática permite. As propostas de dossiê devem ser interinstitucionais contemplando instituições de ensino e pesquisa de várias regiões do Brasil e, quando possível, de países estrangeiros;

A avaliação da proposta de dossiê acontece em duas etapas, ambas realizadas via sistema online da Revista Ambivalências.

  1. Inserir na plataforma SEER da Revista Ambivalências uma ementa do dossiê. A ementa deve contemplar  nome e identificação institucional dos proponentes. Número de organizadores: no máximo três, sendo que neste caso, dois deverá ser doutor. No caso de dois organizadores, pelo menos um deve, ser doutor.
  2. Responsável (is) pelo Dossiê - nome, instituição, e-mail, ORCID e link do currículo lattes. Cabe ao responsável enviar a proposta do Dossiê também para o e-mail: revista.ambivalências@gmail.com

Obs.: Nesta primeira etapa, os artigos completos não devem ser apresentados.

A proposta do dossiê deve obrigatoriamente conter:

1. Breve ementa do Dossiê.

2. Relevância da temática proposta para o campo das ciências sociais e humanas;

3. Eixo temático do Dossiê: Deve ser observado o fato de que os trabalhos devem ter como eixo nucleador um tema bem definido proposto por um organizador.

4. Nome e resumo de cada artigo e autores - nomes completos, filiação institucional, ORCID e o link currículo lattes 

5. Os artigos devem ser de autoria de pesquisadores de instituições que não se repitam no mesmo dossiê (instituições diferentes).  O dossiê deve conter entre 5 (mínimo) e 10 (máximo) artigos.

 

Após a primeira fase, caso seja aprovada a proposta de dossiê, os artigos completos que compõem o dossiê devem ser inseridos na plataforma online da revista e  entrarão em avaliação por pareceristas, seguindo o procedimento usual da revista, ou seja, duplo-cego, no mínimo.

É condição para a submissão dos artigos do dossiê para avaliação

1. Seguir as normas de publicações e padronização bibliográfica (referências e citações);

2. Que as submissões dos trabalhos que comporão o Dossiê sejam registradas diretamente no sistema, conforme orientações em:"Submissão Online". Não serão aceitas submissões via e-mail.

Para que o trabalho seja identificado no sistema de submissão, no campo título do metadados, inicialmente ao título coloque a palavra Dossiê seguido (undeline) do primeiro nome do Responsável e o título de cada trabalho.
Exemplo:

Exemplo:

Dossiê_Responsável_Título:

Dossiês_Marcelo_Corpo e identidades.

Indexadores

A Revista Ambivalências faz parte dos seguintes indexadores:

Nacionais:

Sumários.org

Livre

Diadorim

 

Internacionais:

LATINDEX

DOAJ

Redib

LatinRev

Google Scholar.

 

ISSN: 2318-3888

QUALIS CAPES (2016):

B3: Antropologia/Arqueologia

B4: Sociologia

B4: Interdisciplinar 

Licença de Uso

 

A Revista Ambivalências está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição pela mesma licença 3.0 Internacional, sendo permitida a distribuição, remixagem, ajustes e aperfeiçoamento dos trabalhos divulgados, até mesmo para fns comerciais, desde que seja dado o crédito a Revista Ambivalências pela criação original.

A licença pode ser consultada no endereço: http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/