Revista Ambivalências

CHAMADA PÚBLICA PARA PUBLICAÇÃO DE TRABALHOS


DOSSIÊ: “CINEMA & CONTEMPORANEIDADE: POLÍTICAS E POÉTICAS AUDIOVISUAIS”

ORGANIZADORES: 

LUIZ GUSTAVO PEREIRA DE SOUZA CORREIA (PPGA/PPGCINE/UFS)

DEBORA BREDER BARRETO (PPGED-UCP)

PALOMA FERREIRA COELHO SILVA (Fiocruz Minas)

ANA PAULA ALVES RIBEIRO (PPGECC-UERJ)


Este dossiê pretende reunir artigos que abordem estudos sobre produções cinematográficas e seus processos na contemporaneidade em uma perspectiva sociológica e antropológica contemplando as demais ciências sociais e sua interface com a história, geografia, educação, demografia e perscrutando implicações epistemológicas de construção e interpretação de mundos sociais por meio de imagens. Em uma época constituída por incessantes fluxos e contrafluxos de narrativas audiovisuais, propomos discutir abordagens teórico-metodológicas de investigações que lançam mão de filmes – documentais, ficcionais e experimentais – como objetos e/ou métodos de pesquisa. Trata-se, assim, de debater o cinema em suas várias dimensões, com enfoque em representações e interpretações de narrativas cinematográficas sobre temas como: processos identitários, migrações, relações natureza/cultura, centro/periferia, cidade, corpo, gênero, sexualidade, classe, raça/etnia, etc, além dos modos como o aparato audiovisual tem sido utilizado em investigações, as articulações entre cinema, narrativas, memória e subjetividades e as condições sociais de produção, circulação e recepção de narrativas em diferentes formatos e gêneros. Em suma, busca-se debater dilemas e potencialidades do cinema em interlocução com as ciências sociais, visando compreender veículos e dinâmicas contemporâneas de (re)significação social, bem como seus novos procedimentos de construção de sentido.

PRAZO PARA SUBMISSÃO: 30/04/2019

DIRETRIZES PARA AUTORES: https://seer.ufs.br/index.php/Ambivalencias/about/submissions#authorGuidelines" 


Revista Ambivalências é uma publicação semestral de divulgação científica mantida pelo Grupo de Pesquisa “Processos Identitários e Poder” (GEPPIP). O GEPPIP foi criado em 2010 e está vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Sociologia – PPGS da Universidade Federal de Sergipe (UFS), sendo composto por discentes e docentes do Brasil e Portugal.

A Revista Ambivalências publicou o seu primeiro número em janeiro de 2013 e a partir do 2º número (jul-dez/2013) o projeto editorial da Revista passou a ser constituído por dossiê, sessão livre de artigos e resenhas. Desde então os dossiês têm sido organizados por pesquisadores que atuam no âmbito nacional e internacional.

A Revista Ambivalências tem como objetivo reunir e divulgar estudos que abordam a temática das identidades como expressão de relações de poder produtoras de classificação, hierarquização e transgressão social, de modo a trabalhá-la em suas conexões empíricas, teóricas e metodológicas. Desta maneira, a Revista Ambivalências busca ampliar a difusão dos estudos que dão conta de realidades caracterizadas pela intersecção entre a dimensões políticas e culturais da vida social contemporânea, tomando como base as novas formas de relações de dominação de um mundo marcado pela fragmentação e descentramento identitário.
 
Bases e Indexadores:

DOAJ

Latindex

REDIB

Diadorim

Google Scholar

Sumários.org

Classificações da Revista no QUALIS da CAPES:

Antropologia - B3

Sociologia - B4

ISSN: 2318-3888

DOI: 10.21665/2318-3888

Debora Breder Barreto (PPGED-UCP)
Paloma Ferreira Coelho Silva (Fiocruz Minas)
Ana Paula Alves Ribeiro (PPGECC-UERJ) 

 


v. 6, n. 12 (2018)


Capa da revista