As práticas agrícolas de colonos na região noroeste do Rio Grande do Sul

paisagem, colonização e as transformações na criação de porcos

  • Sílvia Maria Poletti Universidade Federal da Fronteira Sul

Resumo

Este trabalho aborda a criação de porcos na região Noroeste do Rio Grande do Sul desde a perspectiva da Antropologia da Paisagem (Tsing, 2019). Refletiremos sobre como a colonização da região transformou os entornos do Rio Uruguai a partir de uma proposta cosmopolítica (Stengers, 2018), ou seja, de um lugar de hesitação sobre os conhecimentos em torno do ambiente eto-ecologico. Buscaremos analisar o encontro entre imigrantes versus caboclos e indígenas através da noção de conflito ontológico (Almeida, 2013) e a repercussão do conflito no interior da relação de imigrantes com suas práticas agrícolas (Haudricourt, [1962] 2013).

Publicado
2020-06-15