A PRODUÇÃO HISTORIOGRÁFICA DO DHI/UFS DURANTE A DÉCADA DE 2010

CARACTERÍSTICAS E POSSIBILIDADES

  • José Lucas Vilas-Boas Oliveira Universidade Federal de Sergipe

Resumo

O presente artigo tem como objetivo fazer um levantamento da produção historiográfica sobre Sergipe realizada na década de 2010 pelo Departamento de História (DHI) da Universidade Federal de Sergipe (UFS), tendo como base de dados o Repositório Institucional da UFS (RIUFS) e o site do Programa de Pós-Graduação em História (PROHIS) da UFS. Como base da sistematização dos resultados angariados durante a pesquisa bibliográfica, foram utilizadas produções sobre a história da historiografia sergipana, como textos de Samuel Albuquerque (2016), Itamar Freitas (2002; 2007), José Calasans Brandão da Silva (1992), Ibarê Dantas (2014) e Antônio Fernando de Araújo Sá (2008). As informações adquiridas pela pesquisa foram organizadas em tipos e temáticas, além de comparadas quantitativamente com a produção geral do DHI, a fim de compreender o padrão produtivo da historiografia sergipana contemporânea da instituição. Assim, torna-se possível estabelecer características gerais e possibilidades para a pesquisa histórica de Sergipe.

Publicado
2022-09-17