O FEMININO EM TODA A AMÉRICA (1926), DE RONALD DE CARVALHO

THE FEMININE IN TODA A AMÉRICA (1926), BY RONALD DE CARVALHO

Christina Bielinski RAMALHO, Éverton de Jesus SANTOS

Resumo


RESUMO: Estudo das dimensões simbólica e histórica da representação do feminino na obra Toda a América (1926), de Ronald de Carvalho, de modo a reconhecer e caracterizar, nos poemas que a integram, a construção de imagens relacionadas a cinco representações simbólicas arquetípicas: a sexualidade, a fecundação, a fundação, a clivagem e a misoginia, evidenciando as relações de poder a elas subjacentes. A abordagem crítica feminista se sustenta no pensamento de Bourdieu e de Beauvoir, além de estabelecer paralelos com o gênero épico, à luz de Silva e Ramalho.

PALAVRAS-CHAVE: Toda a América. Ronald de Carvalho.Crítica feminista. Gênero. Poesia épica.



ABSTRACT: Study of the symbolic and historical dimensions of the representation of the feminine in Toda a América (1926), by Ronald de Carvalho, in order to recognize and characterize, in the poems that integrate it, the construction of images related to five archetypal symbolic representations:  the sexuality, the fertilization, the foundation, the cleavage and the misogyny, evidencing the relations of power that are underlying. The feminist critical approach is based on the thinking of Bourdieu and Beauvoir, and as well as establishes parallels with the epic genre in the light of Silva and Ramalho.

KEYWORDS: Toda a América. Ronald de Carvalho. Feminist criticism. Gender. Epic poetry.


Referências


BEAUVOIR, Simone de. O segundo sexo: fatos e mitos. Tradução de Sérgio Milliet. 4a ed. São Paulo: Difusão Europeia do Livro, 1970. 

BOURDIEU, Pierre. A dominação masculina. Tradução de Maria Helena Kühner. 11a ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2012. 

CARVALHO, Ronald de. Toda a América. Rio de Janeiro: Razão Cultural, 2001.

DEMBICZ, Andrzej. El ‘lugar” y ‘el espacio’ en la tradición cultural. In: America latina local y regional. Varsóvia: Centro de Estudios Lanitoamericanos – CESLA, 1992.

FIGUEROA, L.; SILVA, K. & VARGAS, P. Tierra, índio, mujer: Pensamiento social de Gabriela Mistral. Santiago: Universidad ARCIS, 2000.

OLINTO, Antonio. Prefácio. Poema de um Continente. In: CARVALHO, Ronald de. Toda a América. Rio de Janeiro: Razão Cultural, 2001, p. 19-24.

RAMALHO, Christina. Vozes épicas: história e mito segundo as mulheres. Rio de Janeiro: UFRJ, 2004. Tese de doutorado.

RAMOS, Péricles Eugênio da Silva. O modernismo na poesia. In: COUTINHO, Afrânio (Org.). A literatura no Brasil. Era modernista. vol. 5. Rio de Janeiro: José Olympio, 1986, p. 43-229.

SILVA, Anazildo Vasconcelos da & RAMALHO, Christina. História da epopeia brasileira. Teoria, crítica e percurso. Vol. 1 Rio de Janeiro: Editora Garamond, 2007.

TRESIDDER, Jack. O grande livro dos símbolos. Tradução de Ricardo Inojosa. Rio de Janeiro: Ediouro, 2003.

WILLIS, Roy. Mitología del mundo. Traducción de Flora Casas. Hilversum, Países Bajos: Textcase, 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Bases indexadoras:

CiteFactor - Academic Scientific JournalsCZ3 - Elektronische Zeitschriftenbibliothek Plataforma Sucupira

Portal brasileiro de publicações científicas em acesso aberto Diadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras LIVRE - Revistas de livre acesso Google Acadêmico

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.