UMA BREVE SENTENÇA AO DESERTOR: INTRODUÇÃO AO POEMA HERÓI-CÔMICO DE SILVA ALVARENGA

A BRIEF SENTENCE TO THE DESERTER: INTRODUCTION TO THE HEROIC-COMIC POEM OF SILVA ALVARENGA

Lucas Piter ALVES-COSTA

Resumo


RESUMO: Silva Alvarenga é um dos poetas árcades mineiros menos estudados. Das obras do autor, Glaura: poemas eróticos (1799) tem recebido maior atenção pelas suas inovações na poesia lírica. No entanto, outra obra de grande importância do autor é O desertor (1774), que foi publicado no período em que Alvarenga estudava em Coimbra. O desertor constitui um poema herói-cômico, gênero pouco abordado pela crítica. O desertor é visto como uma forma de louvor às Reformas na Universidade de Coimbra, implantadas pelo Marquês de Pombal. Sendo uma obra bem desconhecida fora dos núcleos mais fechados da academia, faz-se necessária uma avaliação dela, ainda que breve. O objetivo deste trabalho é, portanto, fazer uma introdução a essa obra, focando elementos básicos que atenderiam aos iniciantes em seu estudo.

PALAVRAS-CHAVE: Literatura brasileira. Silva Alvarenga. Poema herói-cômico.



ABSTRACT: Silva Alvarenga is one of the less studied Arcardian poets in Minas Gerais. From the author's works, Glaura: Poemas Eróticos (1799) has received greater attention for his innovations in lyric poetry. Nevertheless, another work of great importance of the author is O Desertor (1774), which was published in the period in which Alvarenga studied in Coimbra. The deserter is a heroic-comic poem, a genre that is hardly touched by criticism. O Desertor is seen as a form of praise for the Reforms in the University of Coimbra, implanted by the Marquis of Pombal. Being an unknown work outside the closed nuclei of the academy, it is necessary an evaluation of her, although brief. The objective of this article is therefore to make an introduction to O Desertor, focusing on basic elements that would assist the beginners in their study.

KEYWORDS: Brazilian literature. Silva Alvarenga. Heroic-comic poem.


Referências


ALVARENGA, Manuel Inácio da Silva. O desertor: poema herói-cômico. Edição preparada por Ronald Polito. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2003.

CANDIDO, Antonio. Formação da literatura brasileira: momentos decisivos. V.1, 3. ed. São Paulo: Martins, 1969.

MAINGUENEAU, Dominique. Pragmática para o discurso literário. Trad. Marina Appenseller. São Paulo: Martins Fontes, 1996.

MAINGUENEAU, Dominique. Discurso literário. São Paulo: Contexto, 2006.

POLITO, Ronald. Introdução. In: ALVARENGA, Manuel Inácio da Silva. O desertor: poema herói-cômico. Edição preparada por Ronald Polito. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2003, p. 15-56.

TODOROV, Tvetzan. As categorias da narrativa literária. In: BARTHES, Roland et al. Análise estrutural da narrativa. Seleção de ensaios da revista Communications. 2ª.ed. Petrópolis, RJ: Editora Vozes Ltda, 1971, p. 211-256.

TOPA, Francisco. Dois estudos sobre Silva Alvarenga. Línguas e Literaturas. Porto, XIV, 1997, p. 343-398. Disponível em: <http://ler.letras.up.pt/uploads/ficheiros/2765.pdf>. Acesso em: 21 jul. 2017.

TOPA, Francisco. Para uma edição crítica da obra do árcade brasileiro Silva Alvarenga: inventário sistemático dos seus textos e publicação de novas versões, dispersos e inéditos. Porto, Portugal: Edição do Autor, 1998.

TUNA, Gustavo Henrique. Silva Alvarenga: representante das Luzes na América portuguesa. 2009. 318 f. Tese (Doutorado em História). Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, 2009.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Bases indexadoras:

CiteFactor - Academic Scientific JournalsCZ3 - Elektronische Zeitschriftenbibliothek Plataforma Sucupira

Portal brasileiro de publicações científicas em acesso aberto Diadorim - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras LIVRE - Revistas de livre acesso Google Acadêmico

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.