<p><b>Da <em>alteridade </em>ao <em>engajamento </em>do autor: uma busca pela relação entre o ético e o estético nas vozes de Bakhtin e de Sartre</b></p>

  • Fábio Luiz de Castro Dias Universidade Federal de Lavras - UFLA
Palavras-chave: Filosofia, Literatura, Interdisciplinaridade

Resumo

RESUMO: Buscamos, através de uma análise descritiva e interpretativa, compreender como se dão, no Círculo de Bakhtin e no referencial teórico de Sartre, as construções das acepções de autor e de autoria sob a égide da alteridade e, consequentemente, do engajamento, assim como da afluente responsabilidade de sua constituição dialógica e de sua facticidade histórica. Para realizá-lo, embasamo-nos sobre, principalmente, as obras de Mikhail Bakhtin (2010; 2011), de Valentin Volóchinov (2017; 2019), de Jean-Paul Sartre (2015) e de Thana Mara de Souza (2008), para estabelecermos, a partir daí, uma possibilidade dialógica (mínima, quiçá) através de um encontro no qual se mantenham, pelas nossas análises, as unicidades epistemológicas, observando, contudo, as prováveis aproximações interpretativas sobre os referidos fenômenos.

PALAVRAS-CHAVE: Alteridade. Engajamento. Autoria. Autor.

      

ABSTRACT: We aim, through a descriptive and interpretative analysis, to understand, inside Bakhtin’s Circle and Sartre’s theoretical works, the construction of the notions of authorand authorship under the rule of otherness and, consequently, of the engagement, as well as the idea of the affluent answerable responsibility of the author’s dialogical constitution and its historical facticity. In order to achieve that, we base ourselves on the works of Mikhail Bakhtin (2010; 2011), Valentin Vološinov (2017), Jean-Paul Sartre (2015) and Thana Mara de Souza (2008), to establish, from that, a dialogical possibility (minimally, perhaps) through a reunion in which epistemological specificities and uniquenesses were maintained by our analyses, considering, however, the  probable  interpretative  approximations about those phenomena.

KEYWORDS: Otherness. Engagement. Authorship. Author.

Referências

Bibliografia consultada e indicada

BAKHTIN, M. Para uma filosofia do ato responsável. Tradução de Valdemir Miotello e Carlos Alberto Faraco. São Carlos/SP: Pedro & João Editores, 2010.

BEZERRA, P. Breve glossário de alguns conceitos-chave. In: BAKHTIN, M. Teoria do romance I: a estilística. Tradução, prefácio, notas e glossário de Paulo Bezerra. São Paulo/SP: 34, 2015, p. 243-250.

BUBNOVA, T. Voz, sentido e diálogo em Bakhtin. Tradução de Roberto Leiser Baronas e Fernanda Tonelli. Bakhtiniana, São Paulo/SP, v. 6, n. 1, 2011, p. 268-280.

SILVA, A. Bakhtin. In: OLIVEIRA, L. (Org.). Estudos do discurso: perspectivas teóricas. São Paulo/SP: Parábola, 2013, p. 45-69. SILVA, F. L. Ética e literatura em Sartre: ensaios introdutórios. São Paulo/SP: Editora da Universidade Estadual Paulista, 2004.

TODOROV, T. Prefácio à edição francesa. Tradução de Maria Ermantina de Almeida Prado Galvão. In: BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. Tradução de Paulo Bezerra. 6. ed. São Paulo/SP: WMF Martins Fontes, 2011, p. XIII-XXXII.

YAZBEK, A. A “desorganização interna” do Ser e o surgimento da “realidade humana” em “O Ser e o Nada”. doispontos, Curitiba/ PR, v. 3, n. 2, p. 37-51, 2006.

 

Bibliografia analisada e citada

AMORIM, M. Cronotopo e exotopia. In: BRAIT, B. (Org.). Bakhtin: outros conceitos-chave. 2. ed. São Paulo/SP: Contexto, 2016, p. 95-114.

BAKHTIN, M. Arte e responsabilidade. In: ______. Estética da criação verbal. Tradução de Paulo Bezerra. 6. ed. São Paulo/SP: WMF Martins Fontes, 2011, p. XXXIII-XXXIV.

______. O autor e a personagem na atividade estética. In: ______. Estética da criação verbal. Tradução de Paulo Bezerra. 6. ed. São Paulo/SP: WMF Martins Fontes, 2011, p. 3-186.

______. Fragmentos dos anos 1970-1971. In: ______. Notas sobre literatura, cultura e ciências humanas. Organização, tradução, posfácio e notas de Paulo Bezerra. São Paulo/SP: 34, 2017, p. 21-56.

______. Teoria do romance I: a estilística. Tradução, prefácio, notas e glossário de Paulo Bezerra. São Paulo/SP: 34, 2015.

______. Teoria do romance II: as formas do tempo e do cronotopo. Tradução, posfácio e notas de Paulo Bezerra. São Paulo/SP: 34, 2018.

BEZERRA, P. Posfácio: Uma teoria antropológica da literatura. In: BAKHTIN, M. Teoria do romance II: as formas do tempo e do cronotopo. Tradução, posfácio e notas de Paulo Bezerra. São Paulo/SP: 34, 2018, p. 249-264.

FARACO, C. A. Autor e autoria. In: BRAIT, B. (Org.). Bakhtin: conceitos-chave. 5. ed. São Paulo/SP: Contexto, 2016, p. 37-60.

GERALDI, J. Da língua para a linguagem: outros rumos de pesquisa. Recife/PE, 2014. (Mimeo.)

GRILLO, S.; AMÉRICO, E. Glossário. In: VOLÓCHINOV, V. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência da linguagem. Tradução, notas e glossário de Sheila Grillo e Ekaterina Vólkova Américo. São Paulo/SP: 34, 2017, p. 353-367.

MORSON, G. EMERSON, C. Mikhail Bakhtin: criação de uma prosaística. Tradução de Antonio de Pádua Danesi. São Paulo/SP: Editora da USP, 2008.

SARTRE, J.-P. Que é a literatura? Tradução de Carlos Felipe Moisés. Petrópolis/RJ: Vozes, 2015.

SOBRAL, A. A estética em Bakhtin (literatura, poética e estética). In: DE PAULA, L.; STAFUZZA, G. (Orgs.). Círculo de Bakhtin: teoria inclassificável. Série Bakhtin: Inclassificável, v. 1. Campinas/SP: Mercado de Letras, 2010, p. 53-88.

SOUZA, T. M. de. Sartre e a literatura engajada: espelho crítico e consciência infeliz. São Paulo/SP: Editora da Universidade de São Paulo, 2008.

TEZZA, C. Bakhtin e o formalismo russo. Rio de Janeiro/RJ: Rocco, 2003.

VOLÓCHINOV, V. A palavra na vida e a palavra na poesia: ensaios, artigos, resenhas e poemas. Organização, tradução, ensaio introdutório e notas de Sheila Grillo e Ekaterina Vólkova Américo. São Paulo/SP: 34, 2019.

______. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência da linguagem. Tradução, notas e glossário de Sheila Grillo e Ekaterina Vólkova Américo. São Paulo/SP: 34, 2017.

Publicado
2020-01-20
Seção
Artigos