GESTÃO DO CONHECIMENTO E TECNOLOGIA: aplicação na Educação

Regina Ferreira da Rocha, Maria Marta Emydio

Resumo


Os desafios são uma constante no cotidiano das organizações de negócios e dentro do ambiente escolar essa realidade não é diferente. No processo educacional contemporâneo, a Gestão do Conhecimento (GC) é uma ferramenta que possibilita o uso de recursos tecnológicos visando a otimização de tempo, do espaço e dos recursos, além de permitir a  aquisição e o compartilhamento de informações/conhecimentos, aproveitando os capitais intelectuais e a interação dos envolvidos, sendo este um excelente instrumento para o ambiente educacional. O presente artigo aborda conceitos de gestão do conhecimento e como seus princípios podem contribuir com o trabalho de professores e gestores de educação, objetivando o aprimoramento dos processos pedagógicos e relacionais das instituições de ensino. O uso correto das tecnologias é parte fundamental para que tal propósito seja alcançado. Partindo desse princípio, desenvolveu-se um estudo de caso numa rede municipal de ensino da cidade de Garça/SP para conhecer o relacionamento do professor com as tecnologias e com a socialização de informações, experiências e  conhecimento. Aplicou-se um questionário junto a um grupo de professores, de três unidades escolares da rede. Como resultado,  mostraram-se favoráveis às práticas de gestão do conhecimento e uso correto de redes interativas e colaborativas para fins de compartilhamento de conhecimento.

Palavras-chave


Gestão do Conhecimento; Educação; Docente; Capital Intelectual

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Educação. MEC. Integração das tecnologias na educação. Brasília: Ministério da Educação, Seed, 2005.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA ESTATÍSTICA. Censo Demográfico 2010. Disponível em: . Acesso em: 22 mar. 2017.

LLARENA, R. A. S.; DUART, E. M.; SANTOS, R. R. Gestão do conhecimento e desafios educacionais contemporâneos. Em questão. Porto Alegre, v. 21, n. 2, p. 222-242, 2015. Disponível em: . Acesso em: 27 mar. 2018.

MORAN, J. M. Desafios da Internet para o professor. Campinas: Papirus, 2009. Disponível em: . Acesso em: 12 set. 2010.

NONAKA, I.; TAKEUCHI, H. Criação de Conhecimento na Empresa. Rio de Janeiro: Ed. Elsevier, 1997.

ROCHA, A. C. S. Fatores facilitadores e inibidores na implementação de gestão do conhecimento em uma associação de profissionais: o caso SAE Brasil. 2007. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção) – Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: . Acesso em: 3 set. 2010.

VALENTIM, M. L. P. Gestão da informação e gestão do conhecimento: especificidades e convergências. Londrina: Infohome, 2004. Disponível em: . Acesso em: 27 mar. 2018.

YIN, R. K. Estudo de caso: planejamento e métodos. Porto Alegre: Bookman, 2010.




DOI: https://doi.org/10.33467/conci.v1i2.10221

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Convergências em Ciência da Informação



CONVERGÊNCIAS EM CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO - CONCI

Universidade Federal de Sergipe (UFS)

Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (PPGCI/UFS)

Campus São Cristóvão, Cidade Universitária “Prof. José Aloísio de Campos”. 

Av. Marechal Rondon, s/n. Prédio CCSA 1 - Sala 5. Bairro Jardim Rosa Elze. São Cristovão/SE. CEP: 49.100-000

E-ISSN - 2595-4768

QUALIS: B4


Revista membro:

 

Signatária do San Francisco Declaration on Research Assessment (DORA): 

 

 

 Licença Creative Commons

Os trabalhos originais publicados na revista Convergências em Ciência da Informação estão licenciados com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.