Ações de marketing científico digital das revistas vinculadas aos programas de pós-graduação em Ciência da Informação, e em Gestão da Informação, no Brasil

Palavras-chave: Divulgação científica. Marketing científico. Marketing digital. Mídias sociais. Periódico científico.

Resumo

A publicação de artigos em periódicos científicos possibilita ascensão de cientistas e divulgação do conhecimento produzido no ambiente acadêmico. Este conhecimento ultrapassa as fronteiras das instituições de ensino e pesquisa ao ser compartilhado em plataformas online. A pesquisa objetiva analisar as ações de marketing científico digital de revistas científicas vinculadas aos programas de pós-graduação em Ciência da Informação e/ou em Gestão da Informação, de universidades federais brasileiras, com programas em funcionamento e listados na Plataforma Sucupira.  O estudo tem natureza exploratória, descritiva e documental, com abordagem qualitativa e quantitativa. A coleta de dados contempla sete revistas e suas iniciativas de marketing obtidas de maneira ativa nos websites dos periódicos, e em seus perfis nas seguintes plataformas de divulgação científica: canal no YouTube, programa de podcast, e perfil pessoal ou comercial no Twitter, Instagram e Facebook. Relata que os periódicos concentram quase 80% das ações de marketing em uma única plataforma, onde as revistas possuem menos de 10% de audiência; e não produzem conteúdo para plataformas com crescimento de público, como programa de podcast. Conclui que as ações de marketing dos periódicos carecem de desenvolvimento quanto à periodicidade das publicações; à presença nas principais mídias sociais e plataformas de divulgação científica; e à forma e ao conteúdo das publicações. Estas deficiências são sanáveis a partir da criação e aplicação de um plano de marketing adequado às necessidades de cada periódico. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARAÚJO, R. F. Marketing científico digital e métricas alternativas para periódicos: da visibilidade ao engajamento. Perspectivas em Ciência da Informação, Belo Horizonte, v. 20, n. 3, p. 67-84, 2015. Disponível em: https://www.scielo.br/j/pci/a/HNvPmkhhgkm6Snghmn6Xmkq. Acesso em: 24 nov. 2021.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PODCASTERS (ABPOD). PodPesquisa: 2020-2021: produtores. ABPod: [s.l.], 2021. Disponível em: https://abpod.org/podpesquisa/. Acesso em: 24 nov. 2021

BIZZOCCHI, A. Marketing científico: o papel do marketing na difusão da ciência. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO, 25., Salvador, 2002. Anais [...] Salvador: SBEIC, 2002, v. NP9. Disponível em: http://www.portcom.intercom.org.br/pdfs/d48f2ea87a093314566f93cc55e9753d.pdf. Acesso em: 27 nov. 2021.

CIPRIANI, F. Estratégia em mídias sociais: como romper o paradoxo das redes sociais e tornar a concorrência irrelevante. Rio de Janeiro: Elsevier, 2011.

FACEBOOK. 2021. Disponível em: https://www.facebook.com. Acesso em: 28 nov. 2021.

GARVEY, W. D. Communication: the essence of science: facilitating information exchange among librarians, scientists, engineers and students. Oxford, UK: Pergamon, 1979.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GULKA, J. A.; LUCAS, E. R. O.; ARAÚJO, R. F. Marketing digital em portais de periódicos científicos de acesso aberto. Cadernos BAD (Portugal), n. 2, p. 31-43, 2016. Disponível em: https://www.bad.pt/publicacoes/index.php/cadernos/article/view/1579. Acesso em: 7 dez. 2021.

INSTAGRAM. 2021. Disponível em: https://www.instagram.com. Acesso em: 28 nov. 2021.

KOTLER, P., KELLER, K. L. Administração de marketing. 14. ed. São Paulo: Pearson Education do Brasil, 2012.

MEIRELES, M. Teorias da administração: clássicas e modernas. São Paulo: Futura, 2003.

MIRANDA, D. B.; PEREIRA, M. N. F. O periódico científico como veículo de comunicação: uma revisão de literatura. Ciência da Informação, Brasília, v. 25, n. 3, p. 375-382, 1996. Disponível em: http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/636. Acesso em: 26 nov. 2021.

PLATAFORMA SUCUPIRA. 2021. Disponível em: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira. Acesso em: 28 nov. 2021.

PRADO, J. M. K.; PINTO, A. L. Planejamento de marketing para periódicos científicos de acesso aberto. Em Questão, v. 27, n. online, n. 3, p. 375-400, 2021. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/EmQuestao/article/view/107891. Acesso em: 7 dez. 2021.

SAFKO, L.; BRAKE, D. K. A bíblia da mídia social: táticas, ferramentas e estratégias para construir e transformar negócios. São Paulo: Blucher, 2010.

SCIELO. Critérios, política e procedimentos para a admissão e a permanência de periódicos na Coleção SciELO Brasil. 2020. Disponível em: https://scielo.org/pt/sobre-o-scielo/metodologias-e-tecnologias/criterios-scielo-brasil-criterios-politicas-e-procedimentos-para-a-admissao-e-a-permanencia-de-periodicos-cientificos-na-colecao-scielo-brasil/. Acesso em: 8 dez. 2021.

SPOTIFY. 2021. Disponível em: https://www.spotify.com. Acesso em: 28 nov. 2021.

TWITTER. 2021. Disponível em: https://www.twitter.com. Acesso em: 28 nov. 2021.

YOUTUBE. 2021. Disponível em: https://www.youtube.com. Acesso em: 28 nov. 2021.

Publicado
2022-05-01
Como Citar
ARAÚJO, P. C. DE; NOBRE, R. DE S.; DO CARMO DUARTE FREITAS, M. Ações de marketing científico digital das revistas vinculadas aos programas de pós-graduação em Ciência da Informação, e em Gestão da Informação, no Brasil . ConCI: Convergências em Ciência da Informação, v. 5, n. dossiê, p. 1-26, 1 maio 2022.