Revista Eptic

Revista Eptic, ISSN 1518-2487, classificada como QUALIS B1, na área de Ciências Sociais Aplicadas I,  é produzida Observatório de Economia e Comunicação (OBSCOM) e  vinculada aos programas de pós-graduação em Comunicação (PPGCOM), Economia (NUPEC), da Universidade Federal de Sergipe.

Criada em 1999, a partir de um projeto de organização de uma rede de pesquisadores a partir dos grupos de trabalho de Economia Política da Comunicação da ALAIC (Asociación Latino-americana de Investigadores de la Comunicación) e da INTERCOM (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação).

Este periódico eletrônico quadrimestral, é a única publicação do país a tratar especificamente da Economia Política da Comunicação e da Cultura, tendo forte impacto na sua área específica de atual, tanto em nível nacional quanto internacional.

Divergindo do pensamento único, na multiplicidade organizacional, o grupo de pesquisadores da Rede Eptic foca seus estudos em Economia Política da Comunicação, em tópicos como o processo de oligopolização da mídia, as políticas de comunicação, as inovações na área informacional, a funcionalidade da cultura no capitalismo e os lugares da democracia e da diversidade nessas dinâmicas, sendo protagonista na organização dos estudos críticos em Economia Política da Comunicação no Brasil, na América Latina e na Europa, onde atua em parceria com a Ulepicc (Unión Latina de Economía Politica de la Información, la Comunicación y la Cultura), entidade em cuja fundação teve papel protagonista.


Eptic Magazine, ISSN 1518-2487, classified as QUALIS B1, in the field of Applied Social Sciences I, is produced by the Observatório de Economia e Comunicação – Observatory of Economy and Communication (OBSCOM) and connected to the Post Graduation programs in Communication (PPGCOM) and Economy (NUPEC) of the Federal University of Sergipe.

Created in 1999, from an organizational project of a network of researchers derived from the Political Economy of Communication work groups of the ALAIC (Asociación Latino-americana de Investigadores de la Comunicación) and of INTERCOM (Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação – Brazilian Society of Interdisciplinary Communication Studies).

This quarterly electronical journal is the only publication in the country to deal specifically with the Political Economy of Communication and Culture, and has great impact in its specific area of activity, at both national and international levels.

Diverging from the single thought, with organizational multiplicity, the group of researchers in the Eptic Network focuses its studies on the Political Economy of Communication, on subjects such as the process of media oligopolization, communication policies, the innovations in the informational area, the functionality of culture in capitalism and the places of democracy and diversity in these dynamics, it is the protagonist in the organization of critical studies of Political Economy of Communication in Brazil, Latin America and Europe, where it acts in partnership with the Ulepicc (Unión Latina de Economía Politica de la Información, la Comunicación y la Cultura), an entity in whose foundation it had an important role.



Imagem para capa da revista

CHAMADA DE ARTIGOS PARA O DOSSIÊ TEMÁTICO “Estudos marxistas sobre comunicação e cultura”.

A REVISTA EPTIC, produzida pelo Observatório de Economia e Comunicação (OBSCOM) da Universidade Federal de Sergipe (UFS), informa que está aberta a chamada de artigos para a edição de janeiro-abril, vol. 20, n. 1, que terá como tema de seu dossiê temático: “Estudos marxistas sobre comunicação e cultura”. Os/as investigadores/as interessados podem submeter artigos completos até o dia 30 de setembro.

 O dossiê integra as comemorações do 150º aniversário dapublicação do primeiro volume d'O Capital, de Karl Marx. A homenagem decorre da compreensão de que os elementos da crítica marxista têm contribuído sobremaneira para o desenvolvimento do pensamento comunicacional, ao longo dos séculos XX e XXI, ao evidenciar o papel dos meios na acumulação de capital; a mercantilização da cultura e suas especificidades; o processo de subsunção do trabalho intelectual; as resistências no âmbito da produção e da recepção dos produtos culturais; a ideologia presente nos conteúdos midiáticos; a desigualdade nos fluxos comunicacionais entre países, entre outras questões.

 A revista contemplará estudos sobre as perspectivas teóricas que dialogam com o repertório marxista, como a Economia Política da Comunicação (EPC) e os Estudos Culturais. Para tanto, interessam trabalhos que discutam temas relacionados à história da leitura marxista sobre comunicação e cultura, possibilitando apreciações acerca dos contributos, especialmente na América Latina, das aproximações e diferenças entre escolas de pensamento, bem como sobre as necessárias revisões críticas desse legado.

Além disso, objetiva fomentar a reflexão e a ação no tempo presente, trazendo à tona estudos que trabalhem com os aportes marxistas na tentativa de compreender a reestruturação do capitalismo; as tecnologias da informação e da comunicação como base técnica do sistema e sua relação com a financeirização; a produção cultural no contexto da crise do capital; a Internet e os desafios associados à ampliação da vigilância e ao uso comercial de dados pessoais; além, evidentemente, do papel dos sistemas de comunicação na arquitetura do poder, problemática central neste momento em que as empresas midiáticas participam da derrubada ou da fragilização de regimes democráticos em diversos países.

Prazo para submissão dos artigos: 30 de setembro de 2017

Data de publicação da revista: janeiro de 2018

Coordenadoras do Dossiê temático: Profª Dra. Verlane Aragão Santos (Universidade Federal de Sergipe - UFS) e Ms. Helena Martins (Pesquisadora do OBSCOM/CEPOS).

Mais informações e normas para submissão em: http://www.seer.ufs.br/index.php/eptic/about/submissions#onlineSubmissions


CALL FOR PAPERS FOR THE DOSSIER 
"Marxist studies on communication and culture".

The EPTIC MAGAZINE, an initiative of the Observatory of Economics and Communication (OBSCOM) of the Federal University of Sergipe (UFS), announces that the call for papers for the January-April edition, vol. 20, n. 1, which will be the dossier: "Marxist studies on communication and culture". Interested researchers can submit complete papers by September 30th.

The dossier is part of the commemorations of the 150th anniversary of Karl Marx's first volume of The Capital. The tribute is based on the view that the elements of Marxist criticism have contributed greatly to the development of communications academic debates throughout the twentieth and twenty-first centuries by highlighting the role of media in the accumulation of capital; the commodification of culture and its specific features; the process of subsumption of intellectual labor; resistance in the production and reception of cultural products; the ideology in the media contents; inequality in communication flows between countries, among other issues.

The dossier will include studies on the theoretical perspectives that dialogue with the Marxist repertoire, such as the Political Economy of Communication (EPC) and Cultural Studies. In order to do so, we are interested in themes related to the history of Marxist reading on communication and culture, allowing thoughts about the contributions, especially in Latin America, of the approximations and differences between distinct academic approaches and schools, as well as on the necessary critical revisions of this legacy.

In addition, it aims to foster reflection and action in the present time, bringing to light studies that work with Marxist contributions in an attempt to understand the restructuring of capitalism; information and communication technologies as the technical basis of the system and its relationship with financialization; cultural production in the context of the crisis of capital; the Internet and the challenges associated with spreading of surveillance practices and the commercial use of personal data; in addition, of course, the role of communication systems in the architecture of power, a central problem at a time when media companies are participating in the overthrow or weakening of democratic regimes in several countries.

Deadline for submission of articles: September 30, 2017

Journal's publication date: January 2018

Coordinators of the thematic Dossier: Prof. Dr. Verlane Aragão Santos (Federal University of Sergipe - UFS) and Ms. Helena Martins (OBSCOM / CEPOS Researcher).