Entre políticas e o marco legal: a comunicação em xeque

  • Eula Dantas Taveira Cabral Fundação Casa de Rui Barbosa
Palavras-chave: democratização da comunicação, concentração midiática, Constituição, mídia brasileira, legislação midiática

Resumo

O objetivo do artigo é mostrar como a comunicação foi registrada nas sete constituições federais brasileiras e que precisa ser democratizada. A partir de pesquisas bibliográfica e documental, chegou-se às seguintes conclusões: o Brasil, mesmo sendo midiático, precisa conhecer a legislação e entender que a comunicação é um direito de todo(a)s; a concentração midiática é ilegal e não possibilita diversidade cultural e de conteúdo; é preciso reagir e fazer políticas em prol da democratização da comunicação, reivindicando diálogo e horizontalidade da comunicação. 

Biografia do Autor

Eula Dantas Taveira Cabral, Fundação Casa de Rui Barbosa
http://lattes.cnpq.br/1180749525319069
Publicado
2020-02-05