Território, comunicação ascendente e os meios alternativos, populares e comunitários na Argentina

Resumo

Na Argentina, as disputas pela aprovação e implementação da Lei de Serviços de Comunicação Audiovisual (LSCA) de 2009 acompanharam transformações nas condições para a comunicação contra-hegemônica baseada nos lugares – aqui entendida como comunicação ascendente. Este artigo busca analisar as ações para a comunicação alternativa, popular e comunitária no contexto da vigência da LSCA. Partindo do diálogo da Geografia crítica com a Economia Política da Comunicação, pretende-se contribuir para as reflexões sobre a formulação e efetivação de políticas de comunicação a partir do território.

Biografia do Autor

André Pasti, UFABC

Doutor em Geografia Humana (USP). Professor da UFABC.

Publicado
2021-08-26
Seção
ARTIGOS E ENSAIOS