5G e a governança pela tecnologia

  • Hermann Bergmann Garcia e Silva Universidade do Porto
  • Manuel Ricardo Universidade do Porto

Resumo

A quinta geração de redes de comunicações móveis (5G) emerge com o potencial de customizar os parâmetros técnicos de uma mesma infraestrutura física para cada aplicação, serviço ou usuário, que pode comprometer os fundamentos que tornaram a Internet a principal plataforma de disseminação de informação e um instrumento transnacional de colaboração de indivíduos e instituições. Nesse cenário, o presente estudo pretende analisar o impacto desse novo padrão tecnológico no tratamento isonômico e não discriminatório do fluxo de dados na Internet, bem como avaliar o papel da política de informação para a governança dos múltiplos interesses que permeiam o ecossistema digital.

Biografia do Autor

Hermann Bergmann Garcia e Silva, Universidade do Porto

Doutorando em Media Digitais na Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto. Mestre em Sistemas de Informação e Gestão do Conhecimento pela Universidade FUMEC. Especialista em Regulação de Telecomunicações pelo Instituto Nacional de Telecomunicações (INATEL). Especialista em Direito Público pela Universidade Gama Filho/RJ. Possui graduação em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC/MG). 

Manuel Ricardo, Universidade do Porto

Professor da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP). Formado em Engenharia Eletrotécnica e de Computadores, com especialização em Telecomunicações pela FEUP, tendo obtido os
graus de Licenciado, Mestre, Doutor e Agregado.

Publicado
2022-05-15
Seção
ARTIGOS E ENSAIOS