Quem você conhece? Uma análise exploratória de redes sociais a partir de dados do Orkut

Matheus Albergaria de Magalhães, Victor Nunes Toscano

Resumo


O presente trabalho tem como objetivo realizar uma análise exploratória de padrões empíricos relacionados à formação de redes sociais na Internet. Para tanto, faz-se uso de uma amostra construída a partir de dados do website de relacionamentos Orkut. Os resultados obtidos a partir da análise conduzida demonstram que: (i) ocorre o fenômeno de “cauda longa” para dados da amostra, tanto no caso do número de contatos quanto no número de comunidades dos usuários do Orkut; (ii) existem nítidas diferenças entre homens e mulheres no que diz respeito a vários quesitos referentes a preferências dos usuários; (iii) resultados de um exercício econométrico demonstram que variáveis relacionadas à popularidade dos usuários (número de recados, fãs e classificações dadas por outros usuários) exercem um efeito quantitativo significativo no número de contatos estabelecido por cada usuário; (iv) por outro lado, não há coincidência entre usuários que possuem o maior número de contatos e aqueles que pertencem ao maior número de comunidades. Esses resultados são interessantes por constituírem evidência empírica inicial sobre a dinâmica de formação e consolidação de redes sociais entre indivíduos.

Palavras-chave


Internet; Orkut; Redes Sociais

Texto completo:

PDF