Dias Gomes e os trabalhos da memória: trajetória intelectual e ressignificação do engajamento numa entrevista televisiva

  • Igor Sacramento Escola de Comunicação - Universidade Federal do Rio de Janeiro - ECO-UFRJ; Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz
Palavras-chave: Dias Gomes, memória, identidade, engajamento, trajetória

Resumo

Este artigo analisa a entrevista de Dias Gomes a Pedro Bial no programa Espaço Aberto, da GloboNews, do dia 18 de junho de 1998. Tem como objetivo principal demonstrar como naquele contexto histórico-biográfico determinados trabalhos de memória foram realizados e aturam na construção da identidade do dramaturgo. Dias Gomes procurou se reapropriar do passado de modo a construir sua própria individualidade e negociar na interlocução com o entrevistador a fixação de sua imagem pública como intelectual engajad

Biografia do Autor

Igor Sacramento, Escola de Comunicação - Universidade Federal do Rio de Janeiro - ECO-UFRJ; Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz

Doutor em Comunicação e Cultura (ECO/UFRJ). Pesquisador do Laboratório de Pesquisa em Comunicação e Saúde (Laces/Icict/Fiocruz)- Brasil  

Publicado
2017-03-19
Seção
DOSSIÊ TEMÁTICO