ÚRSULA: UMA DENÚNCIA VELADA

  • José Nogueira da Silva
  • Adriana Cavalcanti dos Santos

Resumo

O presente artigo se deteve a analisar o romance Úrsula. Tem-se como objetivo escrutinar a opressão que pairava sobre os negros e as mulheres na época, algo que sua escrita deixa transparecer em meio às tendências narrativas da literatura romântica. A tessitura da análise mostra que a obra em questão é composta notadamente por características da denúncia, no que concerne às opressões sofridas pelas mulheres e às agruras impostas aos negros, antecipando não apenas a literatura de autoria feminina, mas também a afro-brasileira.

Seção
Dossiê Temático 2: Africanidades e questões de gênero latino-americanas