LIVRO DIDÁTICO DE CIÊNCIAS: IDENTIDADES NEGRAS E CONTEXTUALIZAÇÃO EM DEBATE

  • Agnes Gardênia Passos Bispo
  • Edinéia Tavares Lopes
  • Maria Batista Lima

Resumo

Este artigo apresenta as análises realizadas em um livro de Ciências do Sexto Ano do Ensino Fundamental (EF) sobre a representação de identidades negras, sua relação com a perspectiva da Educação Escolar Quilombola (EEQ) e com Educação de Relações Étnico-Raciais (ERER), dialogando com as possíveis abordagens, distanciamentos e possibilidades de contextualização no ensino de Ciências. Constata-se que embora o livro apresente um número significativo de imagens de pessoas negras, estas são representadas predominantemente em situações de menor prestígio social, com exceção das crianças representadas em situações coletivas mais positivas. Quanto à contextualização, apresenta propostas de abordagens relacionadas à perspectiva CTS (Ciência, Tecnologia e Sociedade). No entanto, há distanciamento em relação às diretrizes curriculares da ERER e da EEQ.

Publicado
2020-04-26
Seção
Dossiê: PROCESSOS DECOLONIAIS EM TERRITÓRIOS INDÍGENAS E AFRODESCENDENTES