VIOLÊNCIA CONTRA A MULHER NA FICÇÃO DE MARIA JOSÉ SILVEIRA

  • Elane da Silva Plácido
  • Roniê Rodrigues da Silva

Resumo

Este artigo traz algumas reflexões sobre os temas submissão, silenciamento e a violência contra a mulher: física, sexual e psicológica e feminicídio a partir da leitura analítica de duas personagens do romance A mãe da mãe da sua mãe e suas filhas, (2002), de Maria José Silveira. Pretendemos mostrar como as personagens aparecem submissas aos homens e sofrem diversos tipos de silenciamentos.  Para o desenvolvimento desta análise, tem-se como base as considerações de Heleieth Saffioti (2015), acerca da violência em mulheres e dos apontamentos de John Stuart Mill, (2006), sobre a relação do casamento como forma de submissão feminina. Desse modo, observa-se uma postura literária de questionamento da violência contra a mulher em um contexto patriarcal. 

Publicado
2020-04-26
Seção
SEÇÃO LIVRE