DA INOCÊNCIA À CONSCIÊNCIA – AMOR E CRÍTICA SOCIAL EM ROMÃO E JULINHA, DE OSCAR VON PFUHL

Osmar Pereira Oliva

Resumo


Análise da peça de teatro Romão e Julinha, de Oscar Von Pfuhl. Próximo da fábula, esse texto dedramaturgia infantil apresenta ao leitor infanto-juvenil uma história de cunho político e moralizante.Este ensaio tem como objetivo discutir as reflexões sobre o amor, sobre o racismo e sobre aociosidade por meio das representações de animais que simbolizam a luta de classes (o povo x osgovernantes) e as diferenças étnicas (o gato pardo mestiço e a gata branca “pura”). Metodologia:concepções de literatura infanto-juvenil de Sonia Salomão Khéde (org.) Literatura infanto-juvenil –um gênero polêmico; Fulvia Rosemberg. Literatura infantil e ideologia e Maria Helena Khühner (org.).O teatro dito infantil. Conclusões: conforme afirma Rosemberg, a literatura escrita para criançaspauta-se nos códigos de ética e de moral, e se apresenta como um texto que, ao mesmo tempo,educa, ensina e diverte muito.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


REVISTA FÓRUM IDENTIDADES
Itabaiana: GEPIADDE. 

ISSN 1982-3916

 

INDEXADORES