RELAÇÕES ÉTNICO-RACIAIS NA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: UM ESTUDO DE CASO DAS PRÁTICAS EDUCATIVAS SOB O VIÉS SIMBÓLICO

  • Neidjane Gonçalves dos Santos

Resumo

A presente proposta tem como objetivo analisar as práticas educativas dos (as) professores (as) na perspectiva do poder simbólico enquanto reprodutor da ideologia racista na sala de aula da Educação de Jovens e Adultos, contextualizando, historicamente, a condição do negro africano em terras brasileiras, bem como fazendo um percurso para a compreensão das teorias raciais no tocante a construção de um imaginário direcionado às práticas discriminatórias nas esferas sociais da escola, com a pretensão de identificar como as práticas podem contribuir para o fortalecimento do racismo, trazendo e apontando estratégias para se pensar uma educação direcionada para as relações étnico- raciais na sociedade baiana.
Seção
DOSSIÊ: EDUCAÇÃO E RELAÇÕES ETNICORRACIAIS: LEGADO AFRICANO