TRAJETÓRIAS, ENGAJAMENTOS E LUTAS DE LIDERANÇAS LÉSBICAS EM SERGIPE

  • Marcos Ribeiro de Melo

Resumo

O artigo analisa o engajamento político de lideranças do movimento lésbico sergipano, surgido na década de 2000. Focalizaram-se as condições de constituição da mobilização, as redes sociais forjadas pelas líderes e o papel do Estado junto à configuração das lutas. Entrevistas biográficas, observação de inspiração etnográfica, o diário de campo e a análise documental foram as principais fontes primárias para a pesquisa. Os resultados apontam a aliança com o Estado como um aspecto imprescindível para o surgimento e o fortalecimento da luta em Sergipe e o engajamento das líderes.
Seção
DOSSIÊ: QUESTÕES DE GÊNERO E SEXUALIDADE NA EDUCAÇÃO E LITERATURA