CULTO À AVALIAÇÃO, PATOLOGIZAÇÃO DA ALFABETIZAÇÃO E FRACASSO ESCOLAR

Raquel Meister Ko. Freitag, Mônica Maria Soares Rosário, Sammela Rejane de Jesus Andrade, Marta Ginólia Barreto Lima, Michelle Lima

Resumo


Dado o cenário alarmante de analfabetismo no contexto educacional brasileiro,apresentamos uma revisão das políticas de avaliação, destacando a Provinha Brasil, com seuperfil diagnóstico e aplicação preventiva em ações para minimizar os efeitos do fracasso escolarno que tange ao aprendizado da leitura nos processos de alfabetização e letramento.Discutimos, também, a tendência de se atribuir patologias às crianças que não obtém sucessonos índices de avaliação, no que se denomina de processo de patologização da alfabetização.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


REVISTA FÓRUM IDENTIDADES
Itabaiana: GEPIADDE. 

ISSN 1982-3916

 

INDEXADORES