AS REPRESENTAÇÕES DO HOMEM NEGRO E SUAS CONSEQUÊNCIAS

Rolf Ribeiro de Souza

Resumo


Este texto traz importantes reflexões sobre a representação do homem negro na sociedade brasileira. O texto sociologiamente nos fala de um questionamento da representação do negro, tomando como referência as ideias de Fraz Fanon que nos ensinou que o homem negro, no imaginário ocidental,não é um homem, antes ele é um negro e como tal não tem sexualidade, tem sexo, um sexo que desde muito cedo foi descrito no Brasil com atributo que o emasculava ao mesmo tempo em que o assemelhava a um animal em contraste com o homem branco. Este questionamento será feito passando pelos seguintes tópicos: A desqualificação da masculinidade negra, As preocupações com o homem negro no Brasil que se modernizava, a masculinidade branca como a masculinidade ideal e as representações da masculinidade negra como a fracassada. Essa Temática é tabu e o povo precisa tirar o véu que encobre as relações raciais no Brasil, principalmente no cotidiano para romper com o discursos opressores sobre o homem negro.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


REVISTA FÓRUM IDENTIDADES
Itabaiana: GEPIADDE. 

ISSN 1982-3916

 

INDEXADORES