POLIFONIAS DE IMAGENS: INQUIETAÇÕES INDISCIPLINADAS DO CINEMA MOÇAMBICANO

  • Esmael Alves de Oliveira
  • Simone Becker

Resumo

Através desse artigo, uma vez mais, o duo autoral produz espaço para a proliferação de diálogos afeitos e afetados pelos interesses antropológicos. Agora, as trocas tocam a importância metodológica do cinema para a potencialização da multiplicidade de sentidos, especialmente, quando à frente das lentes e sob os holofotes estão questões tomadas como problemas sociais, a exemplo da pandemia do HIV-Aids em solos moçambicanos. 

Seção
SEÇÃO LIVRE