DESAFIOS E PRÁTICAS PARA OS MESTRADOS PROFISSIONAIS EM ENSINO NA SAÚDE

  • Rosana Brandão Vilela
  • Nildo Alves Batista

Resumo

Este estudo objetivou conhecer as concepções dos coordenadores dos cursos de Mestrado Profissional em Ensino na Saúde, procurando subsídios para o aprimoramento e sustentabilidade dos programas. O trabalho teve caráter qualitativo exploratório com a realização de entrevistas semi-estruturadas com coordenadores dos programas, e análise temática dos dados coletados. Evidenciou-se três categorias: A prática como princípio educativo; O formato conservador do produto final e O potencial transformador da prática. Os resultados encontrados revelam que, apesar da prática do mestrando nortear os cursos, o perfil discente e o produto final do mestrado são ainda desafios importantes nessa modalidade de pós-graduação. 

Publicado
2017-05-06
Seção
Dossiê: INVESTIGAÇÕES EM ENSINO: ABORDAGENS TEÓRICAS E METODOLÓGICAS EM DISTINTAS REALIDADES