A HISTÓRIA DAS ÁFRICAS SOB A PERSPECTIVA DA FORMAÇÃO DOCENTE INICIAL: UMA ANÁLISE DOS RELATÓRIOS DE ESTÁGIO DO CURSO DE HISTÓRIA DA UDESC (2000-2015)

  • Maíra Pires Andrade

Resumo

Esta pesquisa tem como objetivo investigar quais são as representações sobre a História das Áfricas e das populações de origem africanas que são apropriadas e expressas pelos estudantes do Curso de graduação em História da UDESC na condição de estagiários na disciplina de Estágio Curricular Supervisionado. Para o alcance desses objetivos, utilizarei como fonte histórica os Relatórios finais de estágio da disciplina de Estágio Curricular Supervisionado da UDESC, selecionando uma amostragem de 25 relatórios a partir do recorte temporal de 2000 a 2015. Como aporte teórico usarei autores como Fanon, Quijano e Mbembe para pensar a colonialidade e o racismo na atualidade e Hall para mobilizar o conceito de representação. Atentarei também nos relatórios executados depois da implementação da Lei 10.639/03 nas novas posturas, conteúdos e categorias que a partir deste marco passam a ser inseridos no Ensino de História.
Seção
PRÁTICAS E PERSPECTIVAS TEÓRICAS E INVESTIGATIVAS MULTI E INTERDISCIPLINARES NO ENSINO E NA FORMAÇÃO DOCENTE