n. 9 (2015): ISSN 2357-9145

Com trabalhos em torno da História, Relações Internacionais, Política e Psicologia, aparece a 9ª edição da Revista Boletim Historiar. Como de costume, artigos e resenhas contribuem em discussões científicas perpassadas pela interdisciplinaridade, proporcionando trocas enriquecedoras entre diversas aéreas na construção do conhecimento.

Abrindo esta edição Liz Carolina da Silva Simões estuda o Estado de Mianmar e a segurança internacional, relacionando a questão aos grupos minoritários. Na ordem, em trabalho desenvolvido por Luiz André Maia Guimarães Gesteira, temos um estudo sobre o capital imperialista e os golpes de Estados na América Latina durante a Guerra Fria. O texto analisa a trajetória política de alguns chefes de Estados que participaram destes golpes.

Já o terceiro artigo, de Arlindo Palassi Filho, recua um pouco mais no tempo e enfoca a ascensão e queda da República das Províncias Unidas dos Países Baixos entre 1579 a 1795. O debate de Palassi Filho se situa no contexto da formação do Estado Moderno neerlandês. Em seguida, Gilvânia Andrade do Nascimento e Gleidson Santos da Silva, investigam em perspectiva histórica o processo de implantação do curso de Ciências Contábeis em Sergipe.

Há ainda um último artigo, de Camylle Christiane Azevedo Santos e José Uanderson Nery, que estuda o papel do observador ou terceiros nas interações sociais em uma investigação sobre altruísmo e normas sociais. Por fim, duas resenhas encerram esta edição. A primeira, de Anailza Guimarães Costa, analisa a obra A Era Chávez e a Venezuela no Tempo Presente. Já Katty Cristina Lima Sá, aborda o grupo jihadista Estado Islâmico conforme a obra A fênix Islamita: o Estado Islâmico e a reconfiguração do Oriente Médio.

Agradecemos pela colaboração de autores, com a submissão de textos, e leitores pela frequente divulgação do periódico. Desejamos a todos uma boa leitura.

Os Editores.

Publicado: 2015-08-17