LEITURA COMPARTILHADA: UMA PRÁTICA DE LETRAMENTO LITERÁRIO

Resumo

Enquanto paradigma de ensino de literatura, o letramento literário pressupõe que determinados princípios teóricos e metodológicos sejam observadas nas atividades pedagógicas. Nesse estudo, apresentamos a prática Leitura Compartilhada, uma sequência didática de leitura e escrita de textos em torno de obras literárias, que segue os princípios do letramento literário. Para tanto, além de apresentar e fundamentar os passos dessa prática de ensino, vamos dar um exemplo concreto de como ela pode ser desenvolvida em sala de aula a partir de uma oficina realizada com professores do ensino básico.

Palavras-chave: Letramento literário. Leitura literária. Leitura compartilhada. Ensino de literatura. Prática de ensino.

Biografia do Autor

Rildo Cosson, Universidade Federal da Paraíba

Doutor em Letras pela UFRGS e Educação pela UFMG; Professor visitante do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFPB; Orcid ID: https://orcid.org/0000-0003-2677-5149; ResearcherID: H-6621-2017; Scopus Author ID: 56351635600; E-mail: rcosson@gmail.com.

Referências

APPLEBEE, A. N. et al. Discussion based approaches to developing understanding: Classroom instruction and student performance in middle and high school English. American Educational Research Journal, n. 40, v. 3, p. 685-730, Autumn 2003. Disponível em: http://links.jstor.org/sici?sici=0002-8312%28200323%2940%3A3%3C685%3ADATDUC%3E2.0.CO%3B2-1. Acesso em: 10 fev. 2017.

BARIOS, A. L. Só de mim. Direitos autorais Diffuse Studios. Youtube, 2012a. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=DmkvkbqXY_Q Acesso em: 12 jun. 2013.

BARIOS, A. L. Só de mim: O meu contributo para o dia dos namorados. Blog. Doce para o meu doce, 2012b. Disponivel em: http://www.doceparaomeudoce.com/2012/02/so-de-mim-o-meu-contributo-para-o-dia.html Acesso em: 12 jun. 2013.

CAMPELLO, M. A mulher de ouro. In: CAMPELLO, M. Sons e outros frutos. Rio de Janeiro/São Paulo: Record, 1998.

COSSON, R. Letramento literário: teoria e prática. São Paulo: Contexto, 2006.

COSSON, R. Círculos de leitura e letramento literário. São Paulo: Contexto, 2014.

COSSON, R. Método com teoria: o ProfLetras e o letramento literário. In: MACIEL, R. F. e SANTOS, L. I. S. (Org.). Formação e prática docente em língua portuguesa e literatura. 1ed.Campinas: Pontes, 2019, v. 1, p. 23-40.

COSSON, R. e FIDÉLIS, A. C. E. S. Os (des)caminhos da literatura no ensino médio. In: MARTINI, M. et al. (Orgs.). Literatura na escola: teoria, prática e (in)disciplina. 1ed. Santa Maria, RS: UFSM, PPGL-Editores, 2016.

DALLA-BONA, E. M., e MARTINS, M. R. Desafios na formação do licenciando em Letras como leitor e a sua atuação na educação básica. Revista Desenredo, v. 12, n. 2, p. 353-375, 2017. Disponível em: https://doi.org/10.5335/rdes.v12i2.6744 Acesso em: 05 maio 2018.

FIGURINHAS Amar é. Blog. Disponível em: http://figurinhas-amar-e.blogspot.com/2011/06/figurinhas-amar-e.html Acesso em: 17 fev. 2017.

GABRIELSEN, I. L. et al. The role of literature in the classroom. How and for what purposes do teachers in lower secondary school use literary texts? L1-Educational Studies in Language and Literature, v. 19, p. 1-32, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.17239/L1ESLL-2019.19.01.13 Acesso em: 02 mar. 2020.

LIMA Jr., J. Amar é... Design Innova. Blog. 18 de outubro de 2014. Disponível em: https://designinnova.blogspot.com/2014/10/amar-e.html Acesso em: 17 fev. 2017.

OLIVEIRA, H. F. Indivíduos do sexo masculino no curso de letras: performances discursivas, gênero e profissão docente. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 97, n. 247, p. 552-569, dez. 2016. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-66812016000300552&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 18 abril 2019.

PAULINO, Graça. Formação de leitores: a questão dos cânones literários. Revista Portuguesa de Educação, v. 17, n. 1, p. 47-62, 2004. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/374/37417104.pdf Acesso em: 10 jun. 2010.

PRADO COELHO, J. Como ensinar literatura. In: PRADO COELHO, J. Ao contrário de Penélope. Venda Nova: Bertrand Editora, 1976.

PRECIOSO, A. L. e SILVA, R. R. Avanços e processos do ensino de literatura: práticas interventivas do Profletras. Revista Cerrados, v. 25, n. 42, p. 267-282, 2016. Disponível em: http://periodicos.unb.br/index.php/cerrados/article/view/267-282/pdf Acesso em: 15 maio 2018.

RESENDE, N. L. O ideal de formação pela literatura em conflito com as práticas de leituras contemporâneas. In: Literatura, crítica, leitura. Anais do SILEL, v. 1. Uberlândia: EDUFU, 2009. Disponível em: http://www.ileel.ufu.br/anaisdosilel/wpontent/uploads/2014/04/silel2009_gt_lt01_artigo_8.pdf Acesso em: 11 jun. 2018.

RESENDE, N. L. O ensino da literatura e a leitura literária. In: RESENDE, N. L. et al. (Orgs.). Leitura de literatura na escola. São Paulo: Parábola, 2013.

ZILBERMAN, R. O papel da literatura na escola. Via atlântica, n 14, p. 11-22, dez. 2008. Disponível em: http://www.revistas.usp.br/viaatlantica/article/view/50376. Acesso em: 21 set. 2010.

Publicado
2020-07-31
Seção
Leituras literárias compartilhadas