POESIA E JÚBILO EM HILDA HILST

Resumo

Em Júbilo, Memória, Noviciado da paixão, Hilda Hilst provoca uma atmosfera poética caracterizada pela própria experiência poética, situando a figura do poeta na gestação da palavra, no êxtase da imaginação, numa constante espera de um outro, do encontro, mas que se alimenta mais da expectativa do que da presença física do ser amado. Nesse sentido, a relação estabelecida entre a poeta e o homem pode ser aproximada à relação da poesia com a divindade. A última parte da obra, intitulada “Poemas aos homens do nosso tempo”, possibilita considerações sobre a sobrevivência da poesia num mundo mutilado pela necessidade de riqueza e poder. Pretendemos, então, tematizar essa oposição. Para tais discussões, traremos considerações de Staiger (1997), Bosi (2000), Pécora (2001), dentre outros.

PALAVRAS-CHAVE: Hilda Hilst. Poesia. Júbilo. Sagração.

Biografia do Autor

Alexandre de Melo Andrade, Universidade Federal de Sergipe - UFS

Doutor em Estudos Literários. Professor Adjunto do Departamento de Letras Vernáculas, PPGL/UFS e do PROFLETRAS/UFS. Membro dos grupos de pesquisa Poesia Brasileira Moderno-Contemporânea (UFG), Estudos em Leitura Literária (UFS) e Grupo de Estudos em Filosofia e Literatura (UFS).

Referências

ANDRADE, A. de M. A divinização da natureza em Novalis. Travessias Interativas. São Cristóvão, UFS, v. 13 , n 07, p. 58-67, 2017

BACHELARD, G. A Poética do Devaneio. Trad. Antonio de Pádua Danesi. São Paulo: Martins Fontes, 2006.

BÍBLIA SAGRADA. São Paulo: Vida Nova, 2008.

BOSI, A. Poesia-Resistência. In: BOSI, A. O ser e o tempo da poesia. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

HILST, H. Júbilo, Memória, Noviciado da Paixão. São Paulo: Globo, 2001.

HOLANDA, A. B. de. Dicio: Dicionário Online de Português. Disponível em: dicio.com.br. Acesso em 01 mar. 2021.

MILOSZ, C. O testemunho da poesia: seis conferências sobre as aflições do nosso século. Trad. Marcelo Paiva de Souza. Curitiba: Ed. UFPR, 2012.

PAZ, O. O Arco e a Lira. Trad. Ari Roitman e Paulina Wacht. São Paulo: Cosac Naify, 2012.

PÉCORA, A. Notas do organizador. In: HILST, H. Júbilo, Memória, Noviciado da Paixão. São Paulo: Globo, 2001.

SAMUDIO, J. M. P. Mística e poesia, nos limites da linguagem: Hilda Hilst e as místicas. Travessias Interativas, São Cristóvão, UFS, n. 5, p. 11-31, 2013.

STAIGER, Émil. Conceitos Fundamentais da Poética. Trad. Celeste Aída Galeão. Rio de Janeiro: Edições Tempo Brasileiro, 1997.

Publicado
2021-05-20
Seção
Leituras temáticas: da ficção contemporânea à lírica feminina