HOW DOES CONTEMPORARY BRAZILIAN WOMEN’S FICTION DEFY TRADITIONAL AUTHORSHIP AND NARRATION?

  • Luiza Lobo

Resumo

Este estudo investiga as peculiaridades dos romans noirs de autoria feminina da literatura brasileira dos anos 1990. Especificamente, destacam-se as formas usadas pelas escritoras para se apropriarem de técnicas masculinas por meio da troca dos narradores masculinos por protagonistas  femininas e por pontos de vistas subjetivos presentes nas narrativas de Sonia Coutinho, Marcia Denser, Ana Miranda e Patrícia Melo.