APRESENTAÇÃO E TRADUÇÃO DA DIATRIBE DE EPICTETO 1.8

  • Aldo Dinucci VIVA VOX / DFL / UFS

Abstract

Em diversas traduções do texto da presente diatribe, Epicteto parece dizer o seguinte: “Se tomaste emprestado e não pagaste, me deves dinheiro; mas não tomaste emprestado e não pagaste; logo, não me deves dinheiro” (1.8.2). Entretanto, esse argumento é claramente uma instância do sofisma da negação da antecedente (a->b; ~a |- ~b), e é difícil conceber que Epicteto, que afirma em Diatribes 1.7 e 2.25 a necessidade de estudar lógica, pudesse cometer tal erro primário. Efetivamente, o Modo Tolens (i.e. a->b; a |-b) já era conhecido pelos estoicos e constituía um dos cinco indemonstrados de sua lógica proposicional. Além disso, a negação da antecedente era um reconhecido sofisma, como observa Diógenes Laércio, citando verbatim um manual de lógica estoica composto por Diocles de Magnésia.

Published
2014-08-12
How to Cite
Dinucci, A. (2014). APRESENTAÇÃO E TRADUÇÃO DA DIATRIBE DE EPICTETO 1.8. Prometheus - Journal of Philosophy, 7(16). https://doi.org/10.1234/pro.v7i16.2845
Issue
Section
Translations

Most read articles by the same author(s)

1 2 3 > >>