A CONSTRUÇÃO DO SISTEMA HEGELIANO: a partir de Spinoza e Kant

Wellington Lima Amorim, Renato Nunes Bittencourt, Luis Felipe Alves Ribeiro

Resumo


Para compreender o projeto hegeliano é necessário entender o que significa substância em Spinoza e sujeito livre em Kant. E para isto, é conveniente voltar-se para a Ética de Spinoza, Crítica da Razão Prática e Fundamentação da Metafísica dos Costumes de Kant. Conforme se observa, o próprio Hegel diz no prefácio da Fenomenologia do espírito (FE): “Segundo minha concepção - que só deve ser justificada pela apresentação do próprio sistema -, tudo decorre de entender e exprimir o verdadeiro não como substância, mas também, precisamente, como sujeito”.  Hegel tenta deduzir toda a realidade até o absoluto e, para isso, parte da noção de substância e a confronta com a noção de sujeito livre em Kant. 


Texto completo:

PDF