NOTA DE PESQUISA: AS MÁSCARAS DE PLATÃO E FERNANDO PESSOA

Rodolfo Lopes

Resumo


A proposta de pesquisa brevemente esboçada nesta nota nasceu de um modo tão insólito quanto talvez seja o seu principal objetivo. Durante uma aula que ministrei na ANPOF de 2016 (inserida no Minicurso Platão e Platonismo, em que tive o prazer de colaborar com os colegas e amigos Gabriele Cornelli e Renato Matoso) sobre algumas dificuldades metodológicas resultantes do singular registo em que Platão codificou a sua filosofia, e particularmente a propósito da galeria de personagens que lhe vão dando voz(es), surgiu-me a seguinte hipótese: poderá a heteronímia de Fernando Pessoa contribuir, de algum modo, para reconstituir uma 'teoria da personagem' (implícita) em Platão?

Texto completo:

PDF