A educação ambiental na grade curricular do curso de Agronomia da UFS

  • Juliana Barreto Silva Araújo
  • Paula Ellen Silva Oliveira

Resumo

Este artigo tem por finalidade, apresentar um breve estudo sobre a inserção da educação ambiental no currículo da Engenharia Agronômica da Universidade Federal de Sergipe. Destacando as resoluções e pareceres da CNE/2001 e CNE/CES 2006 para consolidarmos a pesquisa, tendo como objetivo geral analisar a estrutura do currículo na inserção da educação
ambiental no curso de engenharia, as informações obtidas
e expostas, neste texto foram adquiridos através da análise da
grade curricular e das ementas das disciplinas que compõem
a estrutura do curso, nos dados coletados podemos identificar
que muitas disciplinas apresentam-se como mediadoras de
questões ambientais, embora não possamos identificar como
acontece o ensino nas salas de aula.
Palavras-chave: educação ambiental; ensino superior; currículo;
agronomia

Biografia do Autor

Juliana Barreto Silva Araújo
Bióloga licenciada. Engenheira Agrônoma. Especialista em Educação Ambiental. Colaboradora do Projeto Sala Verde na UFS e integrante do Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação Ambiental de Sergipe - GEPEASE
Paula Ellen Silva Oliveira
Graduanda do curso de Pedagogia-UFS. Estagiária Voluntária do Projeto Sala Verde na UFS e
integrante do Grupo de Estudos e Pesquisa em Educação Ambiental de Sergipe - GEPEASE
Publicado
2015-11-08
Como Citar
Araújo, J. B. S., & Oliveira, P. E. S. (2015). A educação ambiental na grade curricular do curso de Agronomia da UFS. Revista Sergipana De Educação Ambiental, 2(1), 112-129. https://doi.org/10.47401/revisea.v2i1.4447