The contribution of child education on the social skills’ repertory of children of 4 and 5 years old

  • Sara Tannus Vieira Fundação Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, Santa Catarina, Brasil.
  • Celso Kraemer Fundação Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, Santa Catarina, Brasil.
Palavras-chave: Education. Social skills. Socioeconomic context.

Resumo

The objective of this study is to comprehend the effects of the pedagogical proposals and socioeconomic contexts on the repertoire of social skills of children of 4 and 5 years old from two Child Education institutions, one public and one private from the city of Ipiaú-Bahia. The methodological path was inspired in exploratory and qualitative research. The data was generated through the analysis of the Political Pedagogical Project of each institution, field journal and semi structured interview. The informations generated through field and documental research, from the categories: Child Education, social skills and socioeconomic context allowed to know the potentialities, the gaps and the contradictions of the theme of social skills in Child Education in that context. The results of the researches indicate that the notion of social skills is relatively new in the area of education and less spread. As much in educational reality as in legislation, social skills, even not being recognized and worked as such are present in an indirect way. It was also verified that there is no distinction between the repertory of social skills from children enrolled in Child Education in distinct socioeconomic and pedagogic proposals. The repertory of social skills of the children is influenced by the familiar, educational and religious context, by the social support nets, and others.

Biografia do Autor

Sara Tannus Vieira, Fundação Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, Santa Catarina, Brasil.
Celso Kraemer, Fundação Universidade Regional de Blumenau, Blumenau, Santa Catarina, Brasil.

Referências

Arráez, A. J., Corredor, G. A., & Justicia, F. J. (2015). A competência social como objetivo curricular na educação infantil. In: Del Prette, Z. A. P. et al. (2015) Habilidades Sociais: diálogos e intercâmbios sobre pesquisa e prática. Novo Hamburgo: Sinopsys, p. 72-101.

Bahia. (2019) Documento curricular referencial da Bahia para educação infantil e ensino fundamental- DCRB. Bahia: Secretaria de Educação. http://escolas.educacao.ba.gov.br/noticias/sec-disponibiliza-versao-final-do-documento-curricular-referencial-da-bahia-para-o-ensino-f.

Bandeira, M. et al. (2006). Habilidades sociais e variáveis sociodemográficas em estudantes do ensino fundamental. Psicologia em estudo, 11, 541-549. https://www.scielo.br/j/pe/a/mFXW99j4jxFJprtZNMxPP7D/?format=pdf&lang=pt

Cia, F., & Barham, E.J. (2009). O envolvimento paterno e o desenvolvimento social de crianças iniciando as atividades escolares. Psicologia em Estudo, 14, 67-74. https://www.scielo.br/j/pe/a/Hb3fMMDbxKR9jNjphRf833P/?format=pdf&lang=pt

Casali-Robalinho, I. G. (2013). Relações entre automonitoria, problemas de comportamento e habilidades sociais na infância. Dissertação (Mestrado em Psicologia) – Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2013. https://repositorio.ufscar.br/bitstream/handle/ufscar/6043/5162.pdf?sequence=1&isAllowed=y.

Del Prette, Z. A. P., & Del Prette, A. (2006). Habilidades sociais: Conceitos e campo teórico-prático, p. 1-5. http://www.rihs.ufscar.br/wp-content/uploads/2015/03/habilidades-sociais-conceitos-e-campo-teorico-pratico.pdf.

Del Prette, Z. A. P. & Del Prette, A. (2009). Psicologia das habilidades sociais na infância: teoria e prática. Petrópolis: Vozes.

Del Prette, Z. A. P. & Del Prette, A. (2017). Competência Social e Habilidades Sociais: Manual teórico-prático. Petrópolis: Vozes.

Garnica, K. R. H. (2009). Avaliação e treinamento de habilidades sociais de crianças em idade pré-escolar. Dissertação (Mestrado em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem). Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Bauru, 2009. https://repositorio.unesp.br/handle/11449/86652.

Ipiaú. (2020). Documento Curricular Referencial de Ipiaú- DCRI. Ipiaú: Secretaria Municipal de Educação.

Kramer, S. (1999). O papel social da educação infantil. Revista Textos do Brasil. https://grupoinfoc.com.br/publicacoes/periodicos/p53_O_papel_social_da_Educacao_Infantil.pdf.

Maturano, E. M. & Loureiro, S. R. (2014). O desenvolvimento socioemocional e as queixas escolares. In: Del Prette, A. & Del Prette, Z. (2014). Habilidades sociais, desenvolvimento e aprendizagem: questões conceituais, avaliação e intervenção. 2. ed. Campinas: Editora Alínea, 255-288.

Oliveira, Z. de M. R. de. (2014). Currículo na Educação Infantil. In: Santos, M. O. dos & Ribeiro, M. I. S. (org.). (2014). Educação Infantil: os desafios estão postos e o que estamos fazendo? Salvador: Sooffset, 187-193.

PPP - Projeto Político Pedagógico da instituição municipal. (2019). Ipiaú, BA.

PPP - Projeto Político Pedagógico da instituição particular. (2020). Ipiaú, BA.

Santomé, J. T. (2003). A educação em tempos de neoliberalismo. Porto Alegre: Artmed.

Santos, J. P. dos. (2019). Literatura infantil como recurso para promoção de habilidades sociais na prática de professoras da educação infantil. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Centro de Educação e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Carlos, São Carlos, 2019.
https://repositorio.ufscar.br/bitstream/handle/ufscar/11273/SANTOS_Juliana_2019.pdf?sequence=5&isAllowed=y.

Silva, T. A. (2014). Habilidades sociais em escolares de Belém e suas características pessoais e fatores contextuais. Dissertação (Mestrado em Teoria e Pesquisa do Comportamento). Universidade Federal do Pará, Belém, 2014. http://repositorio.ufpa.br/jspui/bitstream/2011/11904/1/Dissertacao_HabilidadesSociaisEscolares.pdf.

Triviños, A. N. S. (1987). Introdução à pesquisa em ciências sociais: a pesquisa qualitativa em educação. São Paulo: Atlas.
Publicado
2022-04-03
Como Citar
Vieira, S. T., & Kraemer, C. (2022). The contribution of child education on the social skills’ repertory of children of 4 and 5 years old. Revista Tempos E Espaços Em Educação, 15(34), e17244. https://doi.org/10.20952/revtee.v15i34.17244