A formação do professor inclusivo pela pesquisa-ação crítico-colaborativa

  • Rosana Carla do Nascimento Givigi
  • Juliana Nascimento de Alcântara
  • Solano Sávio Figueiredo Dourado
  • Raquel Souza Silva

Resumo

Este artigo  analisa o processo de formação continuada de professores na perspectiva inclusiva, a partir da proposição de um trabalho colaborativo junto a cinco escolas públicas regulares do estado de Sergipe. Para tanto, segue os pressupostos da pesquisa-ação críticocolaborativa ao acompanhar as práticas educacionais inclusivas efetivadas na escola segundo as políticas públicas instituintes adotadas. O lugar de tensão estabelecido nessa discussão permitiu que o discurso cristalizado em torno da inclusão, das políticas e do ensino ganhasse movimento, novos funcionamentos e sentidos.
Como Citar
Givigi, R. C. do N., Alcântara, J. N. de, Dourado, S. S. F., & Silva, R. S. (2015). A formação do professor inclusivo pela pesquisa-ação crítico-colaborativa. Revista Tempos E Espaços Em Educação, 8(17), 223-234. https://doi.org/10.20952/revtee.v8i17.4525
Seção
Artigos de Demanda Contínua