Demonstrações pró-impeachment no Brasil:

desconstruindo o mito da ausência de liderança

  • Carolina Dantas de Figueiredo Universidade Federal de Pernambuco

Resumo

Recebido: 10/08/2019

Aprovado: 17/04/2020

Ao ir às ruas em diversos protestos desde 2013, o povo brasileiro respondeu ao chamado de diferentes movimentos sociais baseados na internet. Contudo, houve negação, por parte dos indivíduos, assim como dos movimentos em si, de que havia lideranças por trás da organização desses protestos, mais especificamente dos protestos pró-impeachment, criando o que chamamos de mito da ausência de liderança. Uma pesquisa bibliográfica foi feita, em paralelo com a coleta e tabulação de textos noticiosos sobre as manifestações pró-impeachment publicados na mídia corporativa brasileira. O cruzamento da pesquisa bibliográfica com a tabulação indicou a existência efetiva de algumas lideranças por detrás das manifestações pró-impeachment que ocorreram no Brasil em 2016. Como conclusão, indicamos que a insistência no mito da ausência de liderança pode ser uma ameaça às democracias contemporâneas, já que impede que os movimentos sociais baseados na internet sejam olhados de forma política complexa.

Palavras-chave: Actante. Movimentos Sociais. Liderança.

Publicado
2020-12-25