Sob o olhar feminino:

Teresina e o processo de ocupação do Conjunto Habitacional Dirceu Arcoverde (1977-1979)

  • Elisnauro Araújo Barros Rede Municipal de Educação de São Luís
  • Marcelo de Sousa Neto Universidade Estadual do Piauí; Universidade Federal do Piauí

Resumo

Recebido: 19/06/2019

Aprovado: 05/07/2019

O presente artigo discute as formas de acesso a moradia popular, na cidade de Teresina-PI, por meio da construção do Conjunto Dirceu Arcoverde, entre 1977 e 1979. Analisa-se o processo de acesso a moradia, privilegiando as memórias de suas moradoras, reconhecendo o seu protagonismo na modulação espacial e formação histórica da região, das quais muitas foram responsáveis pela decisão de transferir-se para o novo habitacional. O recorte temporal, corresponde a período em que Teresina experienciou um forte processo migratório e de transformação de espaços, no interior de uma política de construção de grandes obras. Desta forma, se pôde verificar a alteração em seu cotidiano, com o crescimento de uma nova região, que recebeu grandes levas de novos moradores, destacando-se a forte presença feminina. Para pesquisa, além do uso de fontes hemerográficas, foi utilizado o diálogo com as fontes orais por meio de entrevistas, baseadas na metodologia da História Oral. Dentro desse contexto, foi possível observar como a cidade assumiu novos contornos com o processo de ocupação do Dirceu Arcoverde.

Palavras-chave: História. Cidade. Moradia Popular. Memória. Trabalho.

Publicado
2021-05-24