Sobre a Revista

Foco e Escopo

A Rede Tempo Brasil, responsável pela revista eletrônica mensal Boletim do Tempo Presente (ISSN 1981-3384), informa a todos os interessados em apresentar artigos, notas de pesquisa e resenhas para publicação que continua recebendo submissões em fluxo contínuo.

Serão bem-vindas produções de historiadores, geógrafos, cientistas sociais, filósofos, jornalistas, administradores, economistas, psicólogos, estudiosos das relações internacionais, dos meios de comunicação e demais áreas das ciências humanas.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

Conselho Consultivo

Andreza Santos Cruz Maynard (Universidade Federal de Sergipe)

Cristiano Cezar Gomes da Silva (Universidade Estadual de Alagoas)

Dilton Cândido Santos Maynard (Universidade Federal de Sergipe)

Itamar Freitas de Oliveira (Universidade Federal de Sergipe)

Leandro Couto Ricon (Universidade Católica de Petrópolis)

Michel German (Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Norberto Consani (Institutos de Relaciones Internacionales - La Plata - Argentina.)

Rafael Araujo (Universidade do Estado do Rio de Janeiro)

Sidnei J. Munhoz (Universidade Estadual de Maringá)

Stefan Rinke (Universidade Livre de Berlim)

Wallace Moraes (Universidade Federal do Rio de Janeiro)

Xoan Garrido Vilarino (Universidade de Vigo)

 

Apresentação

Nossas concepções a respeito da natureza da produção intelectual são derivações de diversos debates acerca da formulação do conhecimento, para além de questões temáticas e teóricas que são inerentes e fundamentais no hipercampo interdisciplinar da História e da racionalidade crítica do Tempo Presente. Nesse sentido, é preciso estabelecer com clareza que a página online da Rede Tempo Brasil na internet deveria traduzir ao público a síntese destas proposições.

O Boletim do Tempo Presente é a mais antiga publicação voltada para estudos do tempo presente na América do Sul, tendo sido lançado por Francisco Carlos Teixeira da Silva (UFRJ) em meados dos anos 2000. Na época, o projeto inovador de divulgar textos com análises de conjunturas, reflexões metodológicas, ensaios teóricos e mesmos resenhas e análises fílmicas, tudo gratuito e online, transformou o boletim em uma das publicações mais acessadas da internet brasileira.

A partir da criação da Rede de Estudos do Tempo Presente, o boletim passa a ser uma publicação oficial deste consórcio de pesquisadores de universidades do Brasil e do exterior. Apesar de mudanças em sua formatação e periodicidade, o periódico eletrônico segue cumprindo a sua missão: divulgar os trabalhos de pesquisadores do tempo presente, sejam eles historiadores iniciantes ou experientes, para incentivar o crescimento contínuo do campo.

Sua rotatividade se propõe não só a ser um canal de comunicação entre essas pesquisas, mas também em acolher colaboradores externos e incorporar novos e antigos participantes. A opção pelo formato de divulgação científica, em artigos sucintos de fundo analítico sobe os temas reflete a nossa escolha por uma via ágil de comunicação, consciente da dinâmica do espaço e do tempo onde se insere, o presente, sem que isso acarrete em perda de qualidade editorial.

O objetivo deste sítio eletrônico é a divulgação do trabalho científico desenvolvido pelos professores, alunos e pesquisadores associados ao TEMPO, de forma a estreitar também os laços entre a comunidade e a Academia. Prezamos, também, de temas variados dentro dos diversos escopos aqui trabalhados: a questão da Integração sul-americana, política, cultural e energética; Os Fluxos Internacionais, migratórios e currenciais; o terrorismo internacional; as questões africanas; as relações internacionais e a filosofia política; entre outros temas de igual relevância. Convidamos todos os visitantes a conhecer o nosso trabalho, fruto do empenho diário no sentido de democratizar o conhecimento e expandir as fronteiras do diálogo entre as visões possíveis e alternativas da realidade onde nos encontramos e conhecemos.

Cordialmente,

Comitê Editorial da Revista Eletrônica Boletim do Tempo Presente.