PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS NA UFRPE: A GAMIFICAÇÃO COMO FERRAMENTA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL.

Resumo

Resumo

Esta pesquisa abordará a contextualização do tema Práticas Sustentáveis nas Instituições Federais de Ensino Superior (IFES), tendo como campo de pesquisa a Sede da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), no Bairro de Dois Irmãos, em Recife, levando em consideração o Plano de Gestão de Logística Sustentável (PLS) da UFRPE em seu item 3.6 que trata do levantamento das práticas de sustentabilidade e de racionalização do uso de materiais e serviços, bem como a importância de ferramentas para o engajamento dos servidores docentes e técnicos administrativos nas práticas sustentáveis. Esta pesquisa caracteriza-se predominantemente uma abordagem qualitativa, uma vez que, possui como premissa fazer um levantamento do conhecimento dos servidores da UFRPE em relação às ações que envolvem práticas sustentáveis no campus. A pesquisa qualitativa é uma oportunidade de aprofundamento das situações em que se podem perceber individualidades e significados múltiplos. Sendo assim, contribuirá na investigação dos dados e sua análise. Quanto aos objetivos da pesquisa, ela está classificada como descritiva, pois envolve o uso de técnicas padronizadas de coletas de dados por meio de questionários e também exploratória, pois trata de um levantamento bibliográfico e entrevistas com os servidores docentes e técnico-administrativos a fim de analisar o estado atual socioambiental e propor estratégias para alcançar os objetivos esperados com o uso da gamificação, que é atribuído para atividades de jogos em contextos fora do jogo, potencializando assim o engajamento dos servidores da UFRPE quanto às práticas sustentáveis no âmbito da comunidade acadêmica.

Palavras Chave: Práticas sustentáveis, Sustentabilidade, Educação à distância, Gamificação.

Publicado
2020-03-05
Seção
Edição Especial: Seminário Sino-Brasileiro