“Choose life”: Futebol como subversão no cinema, entre Trainspotting e T2

  • Helcio Herbert Moreira da Silva Neto

Resumo

Trainspotting (1996) e a sua sequência T2 (2017) conferem ao futebol um espaço privilegiado no cinema. Dirigidos pelo cineasta inglês Danny Boyle e inspirados na série de livros do escritor escocês Irvine Welsh, ambos têm tramas que se passam em Edimburgo. A intenção deste artigo é investigar o caráter subversivo da modalidade esportiva nos dois filmes. Com o intuito de entender a prática esportiva é retratada, será discutida uma bibliografia de historiadores acerca da classe operária britânica. Embora trate de um contexto anterior ao do Reino Unido na virada para o terceiro milênio, essa perspectiva contribui para identificar a forma como o esporte está presente nas duas produções. O horizonte de pesquisa permite, assim, uma comparação entre os períodos dos dois lançamentos e a observação de suas proximidades e distanciamentos.

Publicado
2021-04-07
Seção
Artigos